Morte do general iraniano Qassem Soleimani: veja a repercussão na internet

Na tarde desta sexta-feira (2), Donald Trump fez seu primeiro pronunciamento falando que a morte do general iraniano foi necessária para que evitassem uma guerra.

 

O chefe da força Al Quds, unidade especial da Guarda Revolucionária, foi atingido na última quinta-feira (2) em um bombardeio ordenado por Donald Trump, em Bagdá. O caso gerou revolta e líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, e o presidente iraniano Hassan Rouhani  falaram em retaliação nesta sexta-feira (3).

 

“O martírio é a recompensa por seu trabalho incansável durante todos estes anos (…) Se Deus quiser, sua obra e seu caminho não vão parar aqui e uma vingança implacável espera os criminosos que encheram as mãos com seu sangue e a de outros mártires”, afirmou o aiatolá Khamenei em sua conta no Twitter em farsi.

O Pentágono informou que Soleimani foi o responsável pelo ataque à embaixada americana e disse que o bombardeio tinha como finalidade matar o general iraniano.

 

Em uma informação divulgada pela TV, Ali Khamenei declarou que “todos os inimigos devem saber que a jihad de resistência continuará com uma motivação dobrada e uma vitória definitiva aguarda os combatentes na guerra santa”.

 

Quem foi Qassem Soleimani?

Era general da Força Al Quds, unidade especial da Guarda Revolucionária, e apontado como o cérebro por trás das estratégias militares e da geopolítica do país. Ele era extremamente próximo do líder supremo do Irã e já havia escapado diversas vezes de tentativas de homicídio.

Com a liderança de Soleimani, o Irã deu reforço para  Hezbollah (Líbano) e outros grupos militantes pró-iranianos.

 

Como aconteceu o ataque?

O bombardeio americano teve como alvo um comboio de veículos dentro do perímetro no Aeroporto Internacional de Bagdá e matou pelo menos 7 pessoas. Dentre as vitimas estavam, Abu Mahdi al-Muhandis e Qassem Soleimani.

 

O Iraque e Irã decretaram três dias de luto.

Impacto

 

No Brasil, a repercussão do caso EUA x Irã, chegou de forma peculiar. Na manhã desta sexta-feira (2), milhares de brasileiros fizeram brincadeiras a respeito do ocorrido. O ataque provocou preocupações sobre a escalada das tensões regionais e a interrupção do fornecimento de petróleo. O Iraque exporta cerca de 3,4 milhões de barris de petróleo bruto por dia.

Repercussão na internet

A sexta-feira (03) foi de tumulto nas redes sociais, especialmente no Twitter. Os trends topics ganharam espaço para o assunto. Internautas fizeram memes e comentaram o caso em tom irônico. Acompanhe:

 

 

Comente a publicação
Gostou? Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Ganhe premios

Preencha o Cadastro Abaixo para Receber Dicas de Emprego, Negócios, Promoções, Descontos, Shows e Muito Mais!




    Leia também