Maranhão: 84 mil servidores públicos receberam indevidamente o auxílio emergencial

Os dados foram levantados pelo TCE-MA, através da análise de folhas de pagamento do Estado e municípios, e posteriormente enviados a Controladoria Geral da União, já que o benefício vem de recursos federais.

 

De acordo com o levantamento feito pelo Tribunal de Contas Estado do Maranhão (TCE-MA) e a Controladoria-Geral da União (CGU), 84 mil servidores públicos receberam o auxílio emergencial de maneira indevida, causando um prejuízo superior a R$ 60 milhões de reais aos cofres públicos. O resultado coloca o Maranhão como o estado com a maior quantidade de servidores públicos que receberam o auxílio de maneira irregular.

“Chamou atenção porque seria o Maranhão o campeão dessa situação, nós verificamos que pode ter acontecido dois casos, ou esses nomes foram inseridos de forma indevida no pedido de auxílio emergencial por alguém ou estão na condição de servidor público sem saber, ou seja, nesse caso é constado como fraude de administradores, incluindo pessoas que não trabalham na folha de pagamento da sua respectiva unidade administrativa”, disse o secretário de Fiscalização do TCE-MA, Fábio Alex de Melo.

Os dados foram levantados pelo TCE-MA, através da análise de folhas de pagamento do Estado e municípios, e posteriormente enviados a Controladoria Geral da União, já que o benefício vem de recursos federais. O auxílio emergencial de R$ 600,00, pago pelo Governo Federal, foi criado para amenizar os impactos econômicos causados aos cidadãos de baixa renda com a pandemia do coronavírus. Alguns beneficiários do auxílio são pessoas com renda familiar mensal de até três salários mínimos, desempregados e trabalhadores informais.

Os servidores informais identificados com o recebimento irregular, poderão devolver voluntariamente o valor através do site:

http://devolucaoauxilioemergencial.cidadania.gov.br

O montante de 60 milhões de reais é referente apenas ao mês de maio, mas o TCE pretende fazer o cruzamento dos dados dos meses de abril e junho.

 

Por Luciana Ramalho 

Comente a publicação
Gostou? Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Ganhe premios

Preencha o Cadastro Abaixo para Receber Dicas de Emprego, Negócios, Promoções, Descontos, Shows e Muito Mais!




    Leia também